Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Quarta - 27 de Outubro de 2004 às 08:13
Por: Téo Meneses

    Imprimir


Um dia após proibir o candidato Alexandre Cesar (PT) de utilizar imagens do deputado federal Wilson Santos (PSDB) durante propaganda política, o juiz Márcio Aparecido Guedes, da 37ª Zona Eleitoral de Cuiabá, anulou a sua própria decisão. Com isso, o petista poderá veicular gravações que contenham o adversário.

Em sua decisão, Márcio Aparecido Guedes não argumenta por que decidiu revogar a sua sentença. Frisa também que Alexandre Cesar pode utilizar nesta semana imagens de Wilson Santos durante as inserções diárias.

Anteontem, o magistrado atendeu pedido cautelar apresentado pela assessoria jurídica tucana, conforme ocorreu no primeiro turno da disputa a prefeito. Na ocasião, o advogado da coligação "Por Cuiabá no Século XXI", José Antônio Rosa, alegou que a decisão era a mesma que foi anunciada no mês de setembro, quando a justiça proibiu também a utilização da imagem do ex-governador Dante de Oliveira (PSDB). "Como os adversários descumpriram a decisão, refizemos o pedido e o juiz atendeu", comemorou na ocasião. A imagem do deputado José Riva (PTB) também foi censurada à época.

Só neste último fim-de-semana, de acordo com José Antônio Rosa, Wilson Santos e Alexandre Cesar recorreram à justiça 14 vezes por causa do programa eleitoral gratuito. Até a quinta-feira, quando encerra-se o prazo para as peças publicitárias, novas ações devem ser anunciadas.




Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: http://www.reporternews.com.br/noticia/369744/visualizar/