Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Esportes
Quarta - 23 de Dezembro de 2009 às 03:18

    Imprimir


Após uma longa negociação com a Mercedes, o piloto alemão Michael Schumacher, sete vezes campeão mundial da F-1, assinou contrato com a montadora para retornar à categoria na próxima temporada, publicou nesta terça-feira o jornal "Bild".

Segundo o periódico alemão, o piloto de 40 anos fechou um acordo para dirigir por uma temporada o carro da Mercedes, novo nome da equipe Brawn, atual campeã de construtores.

Caso seja confirmado o retorno de Schumacher à F-1, ele terá como companheiro de equipe outro alemão, Nico Rosberg, que estava na Williams.

A volta de Schumacher à principal categoria do automobilismo mundial começou a ser cogitada quando o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, sofreu um grave acidente durante o treino classificatório para o GP da Hungria, em julho.

A escuderia italiana chegou a anunciar o alemão como substituto de Massa, mas abandonou a ideia depois que o piloto testou um carro antigo da equipe e sentiu fortes dores no pescoço.

Aposentado da F-1 desde o fim da temporada 2006, Schumacher vinha atuando como uma espécie de consultor da Ferrari, mas foi liberado pelo time vermelho para voltar a F-1 dirigindo um carro da Mercedes.

Na segunda, o empresário do piloto, Willi Weber, declarou que o alemão recebeu aval do médico Johannes Peil para retornar à categoria.

Segundo o "Bild", Schumacher receberá 7 milhões de euros (aproximadamente R$ 17 milhões) para competir na próxima temporada.





Fonte: Folha Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/147887/visualizar/