Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Agronegócios
Terça - 27 de Janeiro de 2009 às 12:55
Por: Leandro J. Nascimento

    Imprimir


A colheita da soja avança em Mato Grosso e até o final da semana passada havia atingido 3,1% das lavouras. O percentual é do Instituto Mato-grossense de Economia Agrícola. O destaque ficou por conta de Sapezal, cuja média de 10% supera a estadual. De acordo com o Imea, alguns municípios mato-grossenses ainda se preparam para o início dos trabalhos.

Na região Oeste foram colhidos 8,40% da área. No Médio Norte outros 3,5%. No Centro-Sul, 2,30%. Já no Sudeste, menos de 1% foi atingido. “As chuvas do início da semana amenizaram a tensão no campo, mas ainda existem regiões que estão no limite mínimo de unidade necessária para desenvolvimento de plantas”, informa o instituto.

Apesar da colheita ainda não ter sido intensificada, o Imea apresenta os levantamentos sobre os custos de frete que produtores terão nesta safra. Até a sexta-feira, quem saia de Rondonópolis com destino a Paranaguá pagava R$125 a tonelada do grão. De Sorriso a Paranaguá, outros R$165.

De Sapezal para Porto Velho, pelos cálculos do Imea, o desembolso ficou na casa dos R$85 e, de Canarana até Santos, R$120. O instituto ressalta que nos valores atribuídos ao frete carreteiro não estão inclusas as t axas da transportadora e do ICMS.





Fonte: Só Notícias

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/165655/visualizar/