Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Policia MT
Domingo - 28 de Abril de 2013 às 13:26
Por: Max Aguiar

    Imprimir


Darwin Júnior - OD
Duas tentativas de homicídios foram registradas em Cuiabá e Várzea Grande. A primeira ocorrência aconteceu na praça do bairro Dom Orlando Chaves e a outra situação atendida aconteceu na região da Avenida dos trabalhadores, quando um homem teria dito aos policiais que foi alvejado em uma festa na Associação Médica.



Péricles Pereira Mendes, 22, levou dois tiros enquanto estava sentado em um dos bancos da Praça do Bairro Dom Orlando Chaves, em Várzea Grande. De acordo com informações da vítima, um homem de moto teria passado e disparado contra ele.


 
 
A tentativa de morte aconteceu por volta das 20 horas deste sábado, momento em que a praça está movimentada. Os disparos acertaram somente Péricles, que logo foi atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado para o Pronto-Socorro da cidade. 

 
 
Durante a madrugada, os policiais do 3º Batalhão encontraram um homem na Avenida Dante Martins de Oliveira (Trabalhadores) atingido por bala na perna. De acordo com informações do oficial de área, o mesmo não soube informar precisamente o que tinha acontecido. 

 
 
A perna do homem, que não foi identificado, estava sagrando e a única coisa que foi dito aos policiais é que ele teria sido baleado em uma festa na Associação Médica. Uma viatura foi até o local da festa e o caso foi negado. Até o momento que foi averiguado, segundo os promoters da festa, nenhum tumulto teria acontecido. 

 
 
Mesmo assim um boletim de ocorrência foi lavrado registrando o caso com tentativa de homicídio. A vítima foi levada para a Policlínica do Planalto para receber os primeiros socorros. 

 
 
De acordo com informações do Instituto Médico Legal, nenhuma morte foi registrada nesse final de semana em Cuiabá. O último atendimento da Politec foi no dia 26, quando um homem foi encontrado morto dentro de sua própria residência. 

 
 
No último final de semana, a Delegacia de Homicídios e Proteção á Pessoa (DHPP) registrou o final de semana mais violento do ano, com dez mortes.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/21309/visualizar/