Repórter News - www.reporternews.com.br
Educação/Vestibular
Quarta - 29 de Novembro de 2006 às 10:54

    Imprimir


O término do ano letivo, previsto para o dia 15 de dezembro, pode ficar comprometido para alguns alunos de escolas estaduais de Sinop. Sem receber os salários desde o mês de julho, alguns professores interinos que atuam na rede deixaram de lecionar nos últimos dias.

Segundo a representante do Sintep (Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público), Eliane Carvalho, alguns profissionais começaram a receber os salários do período, mas ainda não foram informados sobre os critérios utilizados pelo Estado para fazer o pagamento e nem quantos profissionais receberam.

“Vamos ter que marcar outra reunião para ver como está a situação e quantos professores conseguiram receber. Mas o que sabemos é que somente uma pequena parcela foi beneficiada”, explicou.

Em Sinop, são mais de 100 profissionais que tiveram o pagamento suspenso em julho, quando uma denúncia do Ministério Público Estadual, acatada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), determinou que as contratações feitas a partir do dia 1º do referido mês fossem suspensas e, conseqüentemente, os salários, devido o período eleitoral.

Na escola São Vicente de Paula, que atender mais de 1,7 mil alunos, alguns professores retornaram para as salas de aulas, mas, segundo a diretora Izilda Rabelo, não há confirmação de que vão encerrar o ano letivo.





Fonte: Só Notícias

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/257607/visualizar/