Repórter News - www.reporternews.com.br
Ciência/Pesquisa
Terça - 15 de Setembro de 2020 às 11:34
Por: Metrópoles

    Imprimir


De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade de Amsterdã, na Holanda, a imunidade adquirida contra os coronavírus da mesma família que o Sars-CoV-2 não é duradoura, e provavelmente funciona da mesma maneira para a Covid-19. O estudo foi feito durante 35 anos com 10 participantes e foi publicado na revista Nature Medicine nesta segunda-feira (14/9).

Os outros coronavírus são responsáveis por gripes leves e conhecidos desde os anos 1960. Os cientistas perceberam que é comum a reinfecção menos de um ano depois da primeira ocorrência da doença.

Foram medidas as concentrações de anticorpos específicos contra uma proteína comum de coronavírus em 518 amostras retiradas dos voluntários desde os anos 1980. Segundo os responsáveis pelo estudo, ainda é preciso fazer mais pesquisas, mas provavelmente a informação também se aplica ao Sars-CoV-2, causador da Covid-19.

Os cientistas alertam ainda que, como a proteção dura pouco, as vacinas devem ser capazes de criar uma defesa de memória mais longa, e que a imunidade de rebanho adquirida pelas vias naturais, sem imunização, é “inviável como política pública”.

Por enquanto, ainda não se sabe exatamente por quanto tempo pessoas que tiveram a Covid-19 estão protegidas de um novo contágio. Porém, pesquisas descobriram que a resposta imunológica é mais forte em pacientes que tiveram quadro grave da doença.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/438126/visualizar/