Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Judiciário e Ministério Público
Quarta - 18 de Novembro de 2020 às 06:16
Por: Patrícia Sanches e Mikhail Favalessa/RD News

    Imprimir


ricardo-lewandowski-transparencia-politica.jpg

Mas, apenas Albano conseguiu retornar. A decisão de hoje de Lewandowski é um "balde de água fria" nas esperanças dos outros conselheiros porque, ao votar favorável ao retorno de Albano em agosto, ele entendeu que o afastamento já durava "para além do razoado, há quase 3 anos, sem notícia de oferecimento de denúncia" e disse que essa é uma "aquelas investigações que jamais terminam".

Apesar da derrota, eles devem seguir tentando a extensão dos efeitos do recurso que beneficiou Albano. A tendência é que ingressem com pedido na 2ª Turma do Supremo.

Caso

Os conselheiros do TCE-MT são acusados de receber R$ 53 milhões em propina, de acordo com as delações premiadas do ex-governador Silval Barbosa, do ex-secretário Pedro Nadaf e do ex-chefe de gabinete de Silval, Silvio Araújo. Os pagamentos serviriam para que o TCE-MT não suspendesse obras da Copa do Mundo de 2014 e do programa MT Integrado.





Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/439232/visualizar/