Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Policia MT
Sábado - 16 de Janeiro de 2010 às 09:11
Por: Caroline Rodrigues

    Imprimir


As Polícias Civil e Militar continuam as buscas aos assaltantes do Banco do Brasil em Confresa (1.160 km a noroeste de Cuiabá). Na manhã de sexta-feira (15), 3 pessoas foram presas suspeitas de participação no crime. Silvino Mariano Neto, 54, Rivaldo Mariano, 29, e Carlos Rodrigues dos Santos, 44, estavam dentro de uma casa na cidade. Os policiais receberam a denúncia de que os ladrões estavam no local e foram verificar. No imóvel, perceberam que o grupo estava armado com 4 espingardas de calibres diferentes. Eles não souberam informar a origem e nem para que seriam utilizadas as armas encontradas.

Os acusados foram levados para Delegacia de Polícia em Confresa, onde foram ouvidos pelo delegado. A participação deles na ação criminosa foi descartada, mas eles vão responder pelo crime de porte ilegal de armas. Todos foram autuados em flagrante, após o depoimento.

Equipes do Batalhão de Operações Especiais e também da Força Tática de Barra do Garças ainda estão reforçando o policiamento na tentativa de encontrar os ladrões. A localização está cada vez mais difícil devido as características naturais da região e localização geográfica. A cidade está a menos de 200 km da divisa com o Estado do Pará e é repleta de glebas e distritos rurais. Também há mata intacta, que pode servir de esconderijo para os assaltantes.

O coronel e comandante da PM na região, Valdemir Barbosa, assegura que os policiais estão a espera de novas pistas. Ele relata que ainda não há confirmação do carro utilizado na fuga. Eles saíram do banco no veículo do tesoureiro e o deixaram na saída da cidade. Na casa da família da gerente da agência, que foi feita refém pelos ladrões, há marcas de pneu no quintal. Os policiais acreditam que seja de uma caminhonete modelo Blazer.





Fonte: A Gazeta

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/145812/visualizar/