Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Nacional
Quarta - 07 de Janeiro de 2009 às 11:48

    Imprimir


Uma professora de 42 anos foi presa em flagrante na manhã desta terça-feira (6) por suspeita de espancar e matar o filho adotivo de 5 anos na casa onde moravam, em Cajamar, na Grande São Paulo. De acordo com a Polícia Civil, a mulher confessou o crime.

A criança morreu no hospital após passar mal e vomitar. Lá, os médicos notaram que a criança apresentava diversas marcas de agressões pelo corpo. De acordo com o Instituto Médico Legal (IML) de Jundiaí (60 km distante da capital), a causa da morte foi por conta dos ferimentos da agressão.

A professora foi indiciada por homicídio doloso e encaminhada à Cadeia Pública Feminina de Mairiporã (35 km de SP).

Segundo o BO, a vítima era filho adotivo da professora desde 18 de março de 2008. O irmão do garoto morto, de 4 anos, também é filho adotivo da suspeita.





Fonte: G1

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/167033/visualizar/