Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Esportes
Quarta - 02 de Abril de 2008 às 13:16

    Imprimir


No Campeonato Paulista, o caminho está sendo trilhado com dificuldades, pois somente na última rodada o torcedor saberá se o São Paulo estará ou não na fase decisiva do torneio. E é justamente esse momento de aflição que o elenco tricolor quer evitar na Copa Libertadores, competição na qual o clube tem nesta quarta-feira, às 20h45, no Morumbi, os paraguaios do Sportivo Luqueño como adversários.

Com cinco pontos em três jogos, o São paulo lidera o Grupo 7 do torneio com um ponto a mais que o Atlético Nacional, segundo colocado. Uma vitória contra o rival paraguaio deixaria o time de Muricy Ramalho mais próximo da fase de mata-mata da Libertadores. E com mais folga, coisa que não tem acontecido no Estadual.

"No Paulista, falta uma rodada e ainda temos chance de classificação. Na Libertadores precisamos vencer para conseguir uma classificação razoavelmente boa", analisou o goleiro Rogério Ceni, esperando ter uma situação mais confortável no torneio continental.

Vivendo um momento de recuperação no semestre, o São Paulo ainda não empolga. Aos poucos, busca readquirir a confiança de seu torcedor, que tem reações distintas nas partidas: ora aplaude, ora dispara apupos.

"A atitude do torcedor é condizente com o que o time apresenta. Ele vem reagindo de forma caracaterística do que a gente vem fazendo nos últimos tempos", comentou o camisa 1 são-paulino.

Como de costume, o técnico Muricy Ramalho não adiantou a escalação do São Paulo para o jogo. No entanto, o técnico são-paulino dá sinais de que colocará mais uma vez o meia-atacante Éder Luís como titular. "Ele tem mais chegada na frente e tem a parte aeróbica que ajuda bastante sem a bola."

A entrada do atleta, que está disponível somente para as partidas da Copa Libertadores, pode ajudar na movimentação dos atacantes Borges e Adriano, uma vez que o jogo, segundo Muricy, será contra um time fechado. "Teremos que ter paciência porque será um jogo de poucos espaços. Temos de entrar para ganhar, mas sabemos que eles virão fechadinhos."

São Paulo

Rogério Ceni; Zé Luis, André Dias e Miranda; Joilson, Hernanes, Fábio Santos, Éder Luís e Jorge Wagner; Borges e Adriano

Sportivo Luqueño

García; Paniagua, Servín, Martínez, Román; Esquivel, Carlos Mereles, Núñez, Vargas; Charles Da Silva e Lazaga Técnico: Daniel Lanata

Data: 02 de abril de 2008, quarta-feira

Horário: às 20h45

Local: estádio Morumbi, em São Paulo

Árbitro:Martín Vasquez (URU)

Assistentes: Pablo Fandiño (URU) e Mauricio Espinoza (URU)





Fonte: Folha Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/182800/visualizar/