Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Terça - 25 de Março de 2008 às 18:35
Por: Maria Nascimento

    Imprimir


O deputado estadual José Riva (PP) informou na tribuna que oficializou na tarde de hoje a entrega dos cargos que detinha como indicações pessoais na administração do governador Blairo Maggi (PR).

O ofício foi protocolado nesta tarede na secretaria da Casa Civil. Riva fez questão de dizer que não se trata de rompimento com o governo, mas de adoção de uma postura de maior independência na Assembléia Legislativa e ratificou que "não rompeu com o governo, mas com um sistema fisiológico e ultrapassado".

O distanciamento entre José Riva e o governo Maggi foi iníciado quando o governador nomeou o suplente de deputado estadual Yuri Bastos Jorge (PP) sem consultá-lo, nem a alguns setores do PP. "A partir de agora, me recuso a fazer qualquer indicação", disse.

Riva também sugeriu que os outros quatro deputados do PP - Maksuês Leite, Walter Rabello, Airton Português e Campos Neto - abram mão dos cargos neste governo.

O pepecista informou que promoverá um amplo debate sobre o projeto de lei que trata sobre a proposta de renegociação da dívida de R$ 4,7 billhões de Mato Grosso junto a União.

O parlamentar, que é membro relator da Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária (CFAEO), se mostrou insatisfeito por não ter sido convidado para debater o tema hoje no Rio de Janeiro (RJ). O debate foi com o ex-presidente do Banco Central, Armínio Fraga. "Não fui convidado, mas não tem problema, pois vamos debater bastante. Entrei em contato com o ex-ministro Delfim Neto e ele virá a Mato Grosso debater o projeto. Também quero a presença do ex-ministro Pedro Malan e do ex-presidente do Banco Central, Gustavo Franco e um desses dois virá a Mato Grosso", concluiu.





Fonte: Assessoria/AL

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/183203/visualizar/