Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Cultura
Segunda - 28 de Janeiro de 2008 às 19:06
Por: JOÃO MANUEL MOTA

    Imprimir


Depois de dois anos de recolhimento de dados e produção de imagens, o vídeo documentário "Distrito da Guia", produzido pelo fotógrafo Júlio Rocha, será apresentado durante a solenidade de reinauguração da Ponte de Ferro e da Igreja de Nossa Senhora da Guia, na próxima quinta-feira (31.10), às 08h30. Foi confirmada a presença do governador Blairo Maggi que receberá uma pasta com quatro documentários sobre o patrimônio histórico do Estado.

Segundo Júlio Rocha, com o início da recuperação dos imóveis históricos da localidade, surgiu a idéia de reunir em material audiovisual documentos, relatos e fotografias que evidenciassem a dimensão histórica da comunidade do Distrito da Guia, tendo em vista a escassez de trabalhos com esta finalidade. "A única publicação que encontramos, era o livro 'Freguesia Nossa Senhora da Guia', de Aníbal Alencastro", comenta o fotógrafo.

Durante a realização deste trabalho, Júlio conta que percebeu como a revitalização de espaços históricos colabora para a preservação deles, não só por recuperá-los, mas por se estabelecer uma relação positiva entre população e patrimônio. "Os imóveis revitalizados saem da condição de esquecimento para fazer parte novamente da vida das pessoas", ressalta. Ele aponta como indicativo disso, a vontade que as pessoas da comunidade sentiam de colaborar com a realização do documentário.

Na área de patrimônio, tanto material quanto imaterial, Júlio Rocha já realizou seis vídeos documentários, sendo o primeiro em 2002 chamado "Festas de Santo". Seguiram-se os vídeos "Festa de Santo Antônio" e "Festa de São Benedito". Na pasta a ser entregue ao governador durante a inauguração constarão os vídeos "Restauração da Igreja do Rosário e São Benedito", "Casa Barão de Melgaço", o recém produzido "Pilares do Patrimônio", além do "Distrito da Guia".

A realização desse vídeo-documentário contou com o apoio do Governo do Estado e de empresas da área de construção e engenharia como Barra Story e Mato Grosso Memória. Além de Júlio Rocha na produção executiva e captação de imagens, a ficha técnica conta com Ademir Nunes de Siqueira na edição e a radialista Naine Terena assina o texto, com locução do radialista Jhonatã Gabriel.

RECUPERAÇÃO

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, atendeu ao pedido da comunidade e investiu R$ 230 mil na recuperação da Igreja Nossa Senhora da Guia e também da Ponte de Ferro do distrito.

A igreja foi construída de pau-a-pique nos fins do século XVIII e sua história está ligada à origem da imagem da santa. Os moradores contam que um soldado, provavelmente desertor, chegou a região com a imagem que traz consigo a estrela guia. Após a morte deste soldado, chamado Iguatemy, moradores da região encontraram a santa, praticamente enterrada, nas proximidades do largo do vilarejo. Ela foi levada para uma das casas do povoado e colocada em um humilde oratório.

A ponte teve um papel relevante no escoamento da borracha. As peças foram trazidas desmontadas da Inglaterra, já que no Brasil a produção de ferro era pouca e o uso do cimento era limitado. De acordo com informações do livro Freguesia de Nossa Senhora da Guia, de Aníbal Alencastro, a ponte deixou de ser utilizada após a construção da nova rodovia estadual MT-010, substituindo a antiga MT-400, que passava sobre a ponte e que dava caminho ao distrito da Guia. --




Fonte: Sec-MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/188527/visualizar/