Repórter News - www.reporternews.com.br
Esportes
Terça - 21 de Agosto de 2007 às 22:12

    Imprimir


SÃO PAULO - Nilmar já desistiu do Corinthians. O atacante não foi treinar nesta terça-feira e não quer mais voltar ao Parque São Jorge. Já disse ao seu procurador Orlando da Hora. Mas ele foi avisado pelos seus advogados que o Corinthians não vai desistir dele assim tão fácil.

"O Corinthians deve para o Nilmar mais de US$ 2,5 milhões (cerca de R$ 5 milhões). Ele já teve toda a paciência do mundo. Procurou os dirigentes para conversar. E nada. Agora ele ganhou na justiça a sua liberdade. Se o Corinthians entrar com recurso, não é problema do Nilmar", disse o procurador Orlando da Hora.

O presidente em exercício do Corinthians, Clodomil Orsi, que fez questão de apresentar o meia Ailton nesta terça-feira, disse que não vai se preocupar com a questão. Pelo menos, por enquanto. "A sentença da liberação do Nilmar só passa a valer quando for publicada no Diário Oficial. E até agora não foi. Quando for, veremos que atitude tomar", disse o dirigente corintiano.

Puro jogo de cena. O presidente conversou por horas com o advogado Heraldo Panhoca e foi tranqüilizado. De acordo com a análise do advogado do Corinthians, Nilmar não se livrará tão fácil assim do clube. E a situação jurídica pode ser revertida.

Diante dos vários boatos que dão conta que Nilmar atuará no São Paulo, no Santos ou no Internacional, o técnico Paulo Cezar Carpegiani é sincero. "Por mim, eu queria que ele jogasse aqui, no Corinthians que é o lugar dele", revelou.

Nilmar está no final do seu processo de recuperação da cirurgia no joelho esquerdo. Já corre e começou a chutar forte. "Ele pode jogar amanhã (quarta) se for preciso. Está ótimo", garantiu Orlando da Hora.





Fonte: Estadão

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/210550/visualizar/