Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Terça - 17 de Abril de 2007 às 10:56
Por: Rubens de Souza

    Imprimir


Dilemário Alencar tomou posse na manhã desta terça-feira como vereador na Câmara Municipal de Cuiabá. Ele assume o lugar de Éden Capistrano (PSB) que assumiu na segunda-feira a pasta de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Cuiabá. Mas a posse não foi só de flores e momentos de boa sorte. Ao contrário, Dilemário chega à Câmara Municipal em clima conturbado dentro de seu partido, o PSB, que não o aceita como vereador.

No último domingo o PSB mandou nota para toda a imprensa dizendo que Dilemário não é filiado ao partido nem no Diretório Municipal de Cuiabá, nem no Estadual e muito menos no Nacional. Mesmo assim, Dilemário fez questão de assumir o cargo como integrante do partido e aproveitar para criticar a atitude dos irmãos Valtenir Pereira, deputado federal e presidente do Diretório Estadal e Vantuir Pereira, presidente do Diretório Municipal. “Esta gente não sabe nada. Eles só querem se aparecer e prejudicar o partido”, disparou.

As coisas não andam nada boas no partido. Segundo Dilemário, o PSB hoje parece ministério da Globo, uma grande família, comandada por dois irmãos que só pensam com o próprio umbigo. O novo vereador aproveitou para dizer que o deputado federal Valtenir Pereira não tem moral para falar do prefeito Wilson Santos, a quem apoiou na última eleição e muito menos de sua atitude.

“Quem é este Valtenir Pereira? Ele se elegeu pelo PT e depois abandonou o partido. Apoiou Wilson Santos e depois sai do barco. Apoiou o governador Blairo Maggi e agora por interesse próprio foge da responsabilidade de apoio. É uma pessoa que não tem moral para cobrar fidelidade partidária. Ele deveria é justificar para o eleitor mato-grossense as razões que o levaram ser contra a CPI do Apagão e contra o financiamento do Transporte Coletivo. Por que não fala?”, disse.





Fonte: 24 Horas News

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/231959/visualizar/