Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Sexta - 13 de Abril de 2007 às 13:16

    Imprimir


A bancada do Centro-Oeste escolheu o ex-vereador por Cuiabá, Totó Parente para comandar a Secretaria de Desenvolvimento do Centro Oeste (SCO). Órgão vinculado ao Ministério da Integração Nacional, compete à SCO, entre outras atribuições, elaborar as diretrizes e dividir os almejados recursos do Fundo Constitucional do Centro Oeste, o FCO. O novo secretário será o ex-vereador por Cuiabá, Totó Parente.

Na opinião de Totó, que teve sua nomeação publicada no Diário Oficial da União nesta sexta, a vaga é de "extrema importância" para o Estado. "O fato de eu ser de Mato Grosso e conhecer a realidade local permitirá que todos os projetos sejam executados com o máximo de eficiência, que os recursos sejam alocados nos locais certos, as políticas funcionem e o que Estado tenha um crescimento acelerado", disse.

O deputado Carlos Bezerra, um dos principais articuladores para a nomeação de Totó, comentou que a volta da SCO para um representante de Mato Grosso sinaliza o tratamento que o Ministério da Integração Nacional dará para o Estado. "Nosso partido vive um grande momento político, desenvolver o Centro Oeste e Mato Grosso faz parte de nossas diretrizes. Tivemos essa conquista [da SCO], e continuarei lutando pelo meu Estado nos próximos quatro anos que tenho de mandato", destacou. "Muitas coisas ainda virão", completou.

O nome de Totó foi consenso entre a bancada do PMDB do Centro-Oeste e foi respaldado pelos governadores André Puccineli (MS) e Blairo Maggi (MT).

A SCO administra anualmente cerca de R$ 2,2 bilhões, somando-se os recursos orçamentários e do FCO. Entre as primeiras ações frente à pasta, Totó pretende acelerar a negociação com o Banco do Brasil, para facilitar o acesso ao Fundo. Segundo ele não é possível que recursos fiquem disponíveis e não sejam usados devido às dificuldades impostas pelo banco.

"O Banco do Brasil não pode continuar agindo como um banco comercial. A constituição de 88 reserva a ele o papel de um banco de desenvolvimento do Centro-Oeste, vamos conversar com a direção do Banco para que isso seja cumprido a risca", disse.

Outra questão que será trabalhada de imediato será iniciar a montagem de um projeto de revitalização da bacia do Pantanal. "Proteger o Pantanal é fazer uma política de saneamento nas cidades da bacia do Pantanal, algo que não pode mais ser postergado".

O novo secretário ainda anunciou que está agendando uma reunião com as principais entidades industriais e comerciais para acelerar os trabalhos de sua pasta. "Chamarei representantes da Sicme, Fecomércio, FCDL, CDL, Sebrae, Sincalco, Sincotec, Facmat, Sindmag, Sincofarma, Fiemt, entre tantas outras para que possamos dar continuidade e agilidade para todos os trabalhos", concluiu.

A SCO

A Secretaria de Desenvolvimento do Centro-Oeste (SCO) cumpre, na estrutura organizacional do Ministério da Integração Nacional, o papel de responsável por programas e ações na macrorregião do Centro-Oeste, promovendo uma gestão compartilhada sob as diretrizes da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). A SCO é responsável também pela elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento do Centro-Oeste, importante ferramenta para a promoção do desenvolvimento sustentável da região.

Entre as atividades da pasta estão a responsabilidade de formular e implementar políticas voltadas ao aprimoramento dos instrumentos fiscais e financeiros de apoio ao desenvolvimento do Centro-Oeste; elaborar diretrizes e prioridades para a aplicação dos recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO); Propor normas para a operacionalização dos programas de financiamento e da programação orçamentária do FCO e; Exercer as atividades de secretaria-executiva do Conselho Administrativo da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno e do Conselho Deliberativo do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste.





Fonte: 24HorasNews

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/232545/visualizar/