Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Segunda - 23 de Outubro de 2006 às 16:06

    Imprimir


A carreata realizada ontem em Fortaleza, pelos apoiadores da reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), demonstrou a "bem querência" que o povo cearense sente pelo petista, segundo o governador eleito Cid Gomes (PSB), que comandou a movimentação. Ao lado dele, estiveram o senador eleito Inácio Arruda (PCdoB), parlamentares, dirigentes de partidos e manifestantes que empunharam bandeiras pela reeleição de Lula. Cid afirmou que ficará satisfeito se o petista receber, no próximo domingo, a mesma votação que obteve no primeiro turno, por parte do eleitorado cearense, segundo o Diário do Nordeste.

"Eu tinha notícia de que Fortaleza aumentou a preferência pelo Lula, depois do primeiro turno. Acho que é reflexo disso. Vamos ver no dia 29 como é que vai ficar", declarou Cid Gomes, ao comentar sobre a quantidade de carros participantes do evento. Ele teve que pegar a contra mão, na avenida Senador Fernandes Távora, para poder chegar ao veículo no qual percorreu a carreata, tamanho era o congestionamento no local.

O governador eleito comandou o evento na Capital depois de ter percorrido nos últimos três dias diversos municípios do interior, como Itapipoca, Morrinhos, Santana do Acaraú, Sobral, Guaraciaba do Norte, São Benedito, Ubajara, Tianguá e Viçosa do Ceará. Logo que chegou ao local, Cid foi cercado pelos manifestantes e teve que tirar fotos, distribuir abraços, beijos e apertos de mão, antes de subir no caminhão. Já em cima, declarou que ficaria satisfeito se Lula tivesse a mesma votação obtida no primeiro turno, que foi de 2.852.895 votos, o correspondente a 71,22% dos votos válidos.

Inácio Arruda esteve na maratona pelo interior até sexta-feira. No sábado, foi a São Paulo, onde participou do ato que reuniu lideranças nordestinas em favor da reeleição de Lula. "Nós tínhamos a obrigação de falar para eles, mostrando a importância dessa integração cada vez mais forte das regiões brasileiras. O quanto é importante se São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul compreenderem a importância do Nordeste e do Norte se desenvolvere", defendeu o senador eleito. Para ele, só assim o Brasil poderá dar grandes saltos.

Inácio reclamou da forma como a oposição vem se comportando durante estas eleições. Em clara referência a declarações do concorrente de Lula, Geraldo Alckmin (PSDB), segundo as quais um segundo governo de Lula acabaria antes mesmo de começar, o comunista afirmou: "a direita já chega ao ponto de anunciar sua derrota e dizer que o Lula não vai assumir o governo. É um desespero muito grande e inaceitável. Uma forma de não aceitar é ampliar a margem de vitória de Lula no Ceará e no Brasil inteiro".

Os carros começaram a ser organizados, para o início da carreata, entre as avenidas Lineu Machado e Senador Fernandes Távora. O cortejo começou às 10h45, após a chegada do governador eleito. Cid vestia uma camisa branca, com a inscrição em vermelho: "deixa o homem trabalhar".





Fonte: Agência Nordeste

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/266367/visualizar/