Repórter News - www.reporternews.com.br
Nacional
Quinta - 05 de Outubro de 2006 às 11:28
Por: Flávia Urbano

    Imprimir


As eleições do Rio Grande do Norte trouxeram um fato inédito. Pela primeira vez na história política do Estado, pai e filho foram eleitos, respectivamente, para os cargos de deputado estadual e deputado federal com a maior quantidade de votos. O pai é o deputado Robinson Faria (PMN), atual presidente da Assembléia Legislativa, que chega ao sexto mandato com um total de 70.282 votos. O filho é o estreante Fábio Faria (PMN), que obteve 195.148 votos. Pai e filho receberam, proporcionalmente, as segundas maiores votações, em todo o Brasil.

Robinson Faria já vinha despontando nas pesquisas de intenção de voto como o primeiro colocado. O deputado havia sido o mais votado no ano de 2002. No período pré-eleitoral, o deputado Robinson chegou a ser convidado a integrar as duas principais chapas majoritária encabeçadas pela governadora Wilma de Faria (PSB) e pelo senador Garibaldi Alves Filho (PMDB) - que levaram a disputa pelo governo do Estado para o segundo turno - na condição de vice. Robinson preferiu ser candidato à reeleição e lançar o filho, jovem empresário, para a Câmara Federal. Fábio Faria, 29 anos,chegou ao final da campanha aparecendo entre os três mais votados. Confirmou o favoritismo conquistando o primeiro lugar com 12,02% dos votos válidos.

Para Robinson Faria, o resultado foi o reconhecimento ao seu estilo de fazer política, sempre presente nos municípios e cumpridor dos compromissos. "Ao longo da minha campanha, busquei retribuir a confiança depositada em minha trajetória. Tenho a marca do político que cumpre a palavra e isso deixa as pessoas tranqüilas ao votar em mim. Minha luta sempre foi compartilhada com o povo e agradeço mais essa vitória", disse.

Já o deputado federal eleito Fábio Faria disse reconhecer ter herdado grande quantidade de votos em razão da credibilidade política do pai, mas destacou que exercerá seu mandato com identidade própria. "Sei que tenho muito a aprender, mas me sinto preparado. Agradeço muito ao meu pai, mas hoje sou conhecido como Fábio Faria e não como o filho de Robinson. Ele me criou para caminhar com as próprias pernas", disse.




Fonte: Terra

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/270779/visualizar/