Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Economia
Sexta - 12 de Maio de 2006 às 09:52
Por: Raquel Barroso

    Imprimir


O Governo do Estado e o Banco da Amazônia realizaram nesta quinta-feira (11.05), no auditório da Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Fiemt), o Workshop sobre o tema “Linhas de Crédito Disponíveis para Investimentos no Estado de Mato Grosso”.

De acordo com o gerente regional de Mato Grosso do Banco da Amazônia, Paulo Henrique de Almeida, nenhum projeto do Estado deixará de ser atendido por falta de recurso. “Se for preciso o Banco da Amazônia irá captar recursos junto à Agência de Desenvolvimento da Amazônia (Ada) ou ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)”, afirma o gerente regional.

Segundo ele, devido à crise do agronegócio, a demanda por financiamento em Mato Grosso está muito retraída. “Os empreendedores estão receosos em fazer novos investimentos”, acrescenta. De acordo com Paulo Henrique, na Coordenação de Crédito de Desenvolvimento do Banco da Amazônia há cinco projetos mato-grossenses requerendo recursos do BNDES na ordem de R$ 21,5 milhões e outros dois projetos de Pequenas Centrais Hidreléticas (PCHs) que solicitam cerca de R$ 250 milhões em financiamento por meio do Fundo de Desenvolvimento da Amazônia (FDA).

Os interessados em obter mais informações sobre as linhas de crédito do Banco da Amazônia podem acessar o site www.ada.gov.br para ler o Decreto nº 4254, de Dezembro de 2005, que contém todas as informações sobre a operacionalização dessas linhas de financiamento.

A ADA é a responsável por receber e aprovar as cartas-consultas que solicitam os financiamentos e o Banco da Amazônia é responsável por analisar os projetos e realizar as fiscalizações.

O Workshop sobre “Linhas de Crédito Disponíveis para Investimentos no Estado de Mato Grosso” foi realizado por meio de uma parceria entre o Governo do Estado de Mato Grosso, através da Sicme, Secretaria de Desenvolvimento Rural (Seder), BNDES, ADA, Fiemt, Sebrae, Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), Federação do Comércio do Estado de Mato Grosso (Fecomércio), Federação das Associações Comerciais do Estado de Mato Grosso (Facmat), Federação das Câmaras de Dirigentes Logistas (FCDL), Associação Mato-grossense de Municípios (AMM), entre outros.





Fonte: Da Assessoria

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/301562/visualizar/