Repórter News - www.reporternews.com.br
Meio Ambiente
Quinta - 09 de Março de 2006 às 07:57
Por: Toninho de Souza

    Imprimir


Fiscais da secretaria de Meio Ambiente (Sema) apreenderam no final da tarde desta quarta-feira (08/03) 67 peças de pacu, totalizando 138 quilos. A apreensão foi feita na peixaria Popular, uma das mais antigas e tradicionais de Cuiabá. A proprietária, Nilda Maria Borges de Moura, foi multada pela fiscalização e autuada na Delegacia de Meio Ambiente (Dema), pela prática de crime ambiental.

Foi a primeira apreensão feita por fiscais da secretaria de Meio Ambiente, após o fim da Piracema, período de reprodução dos peixes, que terminou em 28 de fevereiro. De acordo com coordenador de Fiscalização de Pesca da Sema, Marcelo Cardoso, o pescado apreendido apresentava marcas de malha na cabeça, sinal, segundo ele, de que os peixes foram capturados por rede, o que é proibido.

Marcelo Cardoso lembra que a Piracema terminou, mas a fiscalização continua em todo o estado. A pesca está liberada, porém só pode ser feita por pescadores amadores e profissionais autorizados pelo órgão ambiental, desde que respeitem as medidas do peixe a ser capturado. Apetrechos como espinhéis e redes também são proibidos.

Além dos fiscais da secretaria de Meio Ambiente, a fiscalização contra a prática da pesca predatória está sendo feita no estado também por policiais do Batalhão de Policia Militar Ambiental e funcionários do Juizado Volante Ambiental (Juvam).





Fonte: Assessoria/Sema-MT

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/314040/visualizar/