Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Politica Brasil
Segunda - 19 de Abril de 2004 às 11:57
Por: Ricardo Mignone

    Imprimir


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse na manhã desta segunda-feira que o governo atenderá aos anseios dos integrantes das Forças Armadas. A declaração foi feita durante o discurso na solenidade comemorativa do dia do Exército.

Os militares, por enquanto, não terão reajuste salarial, ao contrário dos servidores civis, que terão aumento acima da inflação acumulada em 2003 --9,3%, segundo o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo).

"No contato permanente com o ministro da Defesa e com os comandantes das forças regulares, mantenho-me informado sobre os problemas estruturais da Marinha, Exército e Aeronáutica. Tenho o compromisso de garantir o necessário padrão de dignidade devido aos integrantes das Forças Armadas e suas famílias. As suas legítimas aspirações serão contempladas. Trata-se de uma questão de justiça que o governo tem obrigação de atender", disse Lula.

Ele anunciou ter determinado ao ministro das Cidades, Olívio Dutra, e ao presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Mattoso, que façam estudos para viabilizar um programa de financiamento habitacional dirigidos às Forças Armadas.

O Dia do Exército é comemorado em 19 de abril porque nessa data, em 1648, o Brasil venceu a batalha dos Guararapes contra os invasores holandeses.

Mais de 200 personalidades foram condecoradas durante a cerimônia com a insígnia da Ordem do Mérito Militar, entre elas os ministros Tarso Genro (Educação), Amir Lando (Previdência), Luiz Fernando Furlan (Desenvolvimento), Eunício Oliveira (Comunicações) e Eduardo Campos (Ciência e Tecnologia).




Fonte: Estadão.com

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/385603/visualizar/