Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Copa 2014
Sexta - 06 de Junho de 2014 às 19:19

    Imprimir


Wesley Santiago - Olhar Copa

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP-MT) apresentou na manhã desta sexta-feira (06) o Plano Operacional Integrado que será colocado em prática durante a Copa do Mundo de 2014. Para o secretário da pasta, Alexandre Bustamante “o Mundial já começou”. Mais de três mil agentes das forças de segurança devem atuar em Cuiabá.

Durante a reunião na sede da SESP, que teve início por volta das 09h20 desta sexta-feira, o secretário explanou para a imprensa as ações que estão sendo feitas com o objetivo de garantir a segurança de moradores e turistas da capital mato-grossense. “O governo decidiu que era necessário a criação de uma pasta de grandes eventos para dar suporte”.

Bustamante destacou a parceria de vários órgãos, que estão trabalhando para garantir que o evento aconteça sem maiores problemas: “Para nós a Copa do Mundo já começou. Estamos realizando trabalhos na fronteira desde o dia 04. Estamos preparados para tudo e daremos uma resposta imediata”.

Para auxiliar na prestação do serviço em Mato Grosso, foram enviados 162 agentes da Força Nacional que atuarão na rua durante a competição. O objetivo é ajudar a Polícia Militar nas operações: “A PM designará as tarefas para eles de acordo com o que o comandante solicitar. Não ficarão em apenas um ponto, eles irão onde a ação estiver acontecendo”, explicou o secretário.

O Estado terá aproximadamente 1.700 homens trabalhando durante o Mundial. Cerca de 1.600 homens do Exército brasileiro também auxiliaram nas operações – destes, 1.100 vieram de fora. Por conta disto, a cidade está abarrotada de agentes de segurança que trafegam a todo instante nas vias cuiabanas.

“As pessoas acabam reclamando, dizem que eles estão atrapalhando o trânsito, mas isso é necessário. Nós aqui não estamos acostumados com estes tipos de manobras, porém precisamos. Isso faz parte da preparação que está sendo feita para o torneio. Os agentes precisam conhecer o local em que vão atuar”, disse Bustamante.

Arena Pantanal – No estádio que será palco de quatro jogos da Copa do Mundo, a segurança será reforçada. Para auxiliar no trabalho, os agentes terão 400 câmeras dentro e fora do local que serão transmitidas para os responsáveis. Além disto, dois caminhões de inteligência móvel e também uma plataforma de observação elevada estarão à disposição.

Delegações – O Estado também trabalhará em conjunto com as autoridades de segurança dos países que jogarão em Cuiabá durante o Mundial. As delegações terão um representante que acompanhará os trabalhos desenvolvidos pela pasta, enquanto as equipes estiverem na cidade. Também haverá um responsável no centro de comando unificado que está instalado em Brasília (DF).

Áreas de atuação – A Secretaria de Segurança Pública irá atuar em áreas como: Estádio, aeroporto, Pontos turísticos, entre outros. Já as partes de: Controle de espaço aéreo, emprego de helicópteros e outros, ficará a cargo do ministério da Defesa.

Aeroporto – No terminal aeroviário de Cuiabá também haverá uma cooperação de vários órgãos como: Polícia Militar, Receita Federal, Polícia Rodoviária, entre outros. Eles vão garantir desde o desembarque, até a escolta das delegações até os respectivos hotéis. 





Fonte: Olhar Direto

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/396672/visualizar/