Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Policia MT
Sexta - 16 de Dezembro de 2011 às 10:35

    Imprimir


Um militar do alto escalão do Exército iraniano afirmou nesta sexta-feira que o Irã continuará a derrubar aeronaves espiãs americanas caso os Estados Unidos violem novamente o espaço aéreo da República Islâmica, segundo informações da agência de notícias estatal Irna.

Nesta sexta-feira, o vice-almirante Ali Shamkhani, diretor do Centro Estratégico das Forças Armadas iranianas, disse que a captura do drone RQ-170 Sentinel mostra a alta capacidade dos especialistas do setor de inteligência do país.

O avião teleguiado espião americano foi capturado em 4 de dezembro pelo Irã em seu território. Apesar dos pedidos de devolução por parte de Washinton, o ministro iraniano da Defesa, Ahmad Vahidi, afirmou que a nave agora é propriedade iraniana.

Shamkhani defendeu que os EUA sejam responsabilizados por infringir as regras internacionais caso a violação aérea continue a acontecer.

Na segunda-feira (12), o presidente Barack Obama afirmou que Washington havia solicitado a restituição do avião teleguiado, do qual o Irã se apoderou quando o aparelho estava 250 km dentro do espaço aéreo iraniano.

  Sepah News.ir/Reuters - 8.dez.2011  
Imagem de agência iraniana mostra militares inspecionando avião-espião americano que invadiu espaço aéreo do Irã
Imagem de agência iraniana mostra militares inspecionando "drone" americano que invadiu espaço aéreo do Irã

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, anunciou que Washington havia transmitido uma demanda formal a Teerã, mas destacou que não esperava ser atendido.

Um parlamentar iraniano afirmou, segundo a televisão estatal iraniana, que o país pretende copiar o drone para equipar suas forças.

Nos EUA, os republicanos estão debochando de Obama pelo presidente democrata ter pedido ao Irã que devolva o avião teleguiado. O Irã excluiu definitivamente a restituição a Washington do aparelho.

O ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, que está entre os principais aspirantes à indicação republicana às presidenciais, debochou do pedido de Obama. "Este é um presidente que, depois da queda do avião espião, diz por favor? Só pode estar brincando", afirmou em um debate na Fox News.

O governador do Texas, Rick Perry, disse, por sua vez, que os Estados Unidos deveriam ter destruído ou tentado recuperar o avião para evitar que o Irã obtenha a tecnologia americana.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/65293/visualizar/