Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Cidades/Geral
Sexta - 20 de Agosto de 2010 às 20:28

    Imprimir


O Sindicato das Indústrias da Alimentação de Rondonópolis e Região Sul de Mato Grosso (Siar-Sul), em conjunto com o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) apresentou uma análise do ambiente interno do setor das indústrias de alimentos de Rondonópolis, realizada pelo consultor da empresa Sabóia Consulting, Elissandro Sabóia. 

Segundo o consultor, a pesquisa foi realizada devido à demanda do Sindicato em relação às necessidades do setor. “Fizemos quatro reuniões com cada área do sindicato (sorveterias, panificadoras, indústrias de arroz e nutrição animal), para levantar as percepções que os empresários deste setor apresentam”.

Para a avaliação foi usado o conhecido método de análise S.W.O.T. (ou análise F.O.F.A. em português) que é uma ferramenta estrutural utilizada na analise do ambiente interno, para a formulação de estratégias. Com está ação é possível identificar as forças e fraquezas da empresa.

“O objetivo da pesquisa foi de averiguar no setor o que deve ser melhorando, tanto internamente, como fora das paredes das empresas, e com essas informações foi gerado um documento que traz principalmente as percepções do empresário, o que ele tem de bom, o que deverá ser melhorado, o que tem de oportunidades no mercado e as dificuldades”, explica Elissandro.

Sabóia conta também que esta apresentação ainda não apresenta plano de ação pronto e, que até o momento foram apresentadas apenas as pesquisas, as oportunidades que podem ser aproveitadas, os problemas que podem surgir e, posteriormente criar ações específica para cada situação. “Através desse levantamento, podemos fazer projetos que possa desenvolver o setor alimentício do município”.

Segundo o presidente do Siar-Sul, Ailton Ferreira da Silva, a seriedade dessa analise se deve a importância de identificar os problemas e, os pontos fortes do setor. “Com a analise do setor feita podemos desenvolver um planejamento estratégico, para que o sindicato coloque em prática as ações em relação aos problemas levantados”.

Também presente no encontro, o assessor sindical, Geraldo Elvino Beier, falou sobre o desenvolvimento que essa analise trará para o setor. “Com o diagnostico mais preciso de nossas necessidades e, também dos nossos pontos fortes, vamos eliminar deficiências, conseguir buscar apoio técnico que venha fazer com que o setor possa progredir e tirar os obstáculos para que se possa ter um desenvolvimento mais rápido e coletivo”, avalia Geraldo.

Um dos empresários que compareceu na reunião, proprietário da sorveteria Milmix há 11 anos, Marcos Antonio, considerou de grande valia a pesquisa realizada a favor de seu setor. “Está analise é importante para saber como devemos tomar novas decisões, ver o público que precisamos atingir. Sem pesquisa não conseguimos fazer nada. Apesar de nossa classe ser muito desunida, o sindicato esta tentando reorganizar, dando cursos, palestras e, através dessa mobilização vamos ter consciência do que devemos fazer para melhorar”, conclui Marcos.






Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/118163/visualizar/