Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Meio Ambiente
Sábado - 10 de Março de 2007 às 09:41

    Imprimir


Pesquisadores alemães descobriram que o perfume de rosas pode ajudar na memorização. Segundo um estudo divulgado nesta quinta-feira na revista Science, cheiros são capazes de reativar novas memórias no cérebro e fazer com que essas lembranças venham à tona com mais facilidade.

A pesquisa foi liderada por Jan Born, da Universidade de Lubeck. A equipe utilizou um grupo de 74 voluntários para realizar o estudo. Os voluntários participavam de uma espécie de jogo da memória, no qual tinham de identificar onde estavam os pares de objetos ou cartas. Enquanto participavam da tarefa, eles inalavam o perfume de rosas.

Depois, o grupo ia dormir em um aparelho de ressonância magnética. Durante o sono, os pesquisadores faziam imagens da atividade cerebral do voluntário. Em vários estágios do sono, os cientistas espalhavam o mesmo perfume de rosas para que ele fosse inalado pelo paciente que dormia.

No dia seguinte, os voluntários eram testados novamente para saber o que eles haviam memorizado do jogo no dia anterior. "Depois da 'noite de odor', os participantes lembraram de 97,2% dos pares que eles aprenderam antes de dormirem", disseram os pesquisadores.

Os cientistas afirmam que isso mostra que a memória se consolida durante o sono e que odores podem aprimorar o aprendizado. A equipe também acredita que outros estímulos podem ser usados durante o sono para facilitar a memorização.





Fonte: Reuters

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/237563/visualizar/