Repórter News - www.reporternews.com.br
Saúde
Terça - 01 de Agosto de 2006 às 08:52

    Imprimir


A Semana Mundial de Aleitamento Materno, que começou ontem, vai até o próxio dia 7 de agosto. A campanha que este ano tem o slogan "Amamentação, garantir este direito é responsabilidade de todos", pretende discutir a importância da defesa da amamentação e fazer um alerta sobre o perigo da propaganda abusiva de alimentos e produtos como chupetas, bicos e mamadeiras que prejudicam o aleitamento.

Em 2006, o Brasil completa 25 anos de Política Nacional de Aleitamento Materno. Um dos avanços da política, no período, foi a aprovação da lei federal que regulamenta a propaganda abusiva dos produtos que interferem na amamentação. A diretora do Departamento de Ações Programáticas, Estratégicas do Ministério da Saúde, Cristina Boaretto, recomenda que nos primeiros seis meses de vida o bebê “fique só no peito”. Nesse período, de acordo com diretora, o recém nascido não precisa nem de água.

“Do ponto de vista da saúde isso é muito bom, porque a gente reduz uma série de doenças, diarréias, pneumonia. Com a amamentação é muito melhor, a gente reduz internações, tudo vai melhor com o aleitamento materno”, argumenta Boaretto.

"O Ministério da Saúde, disponibilizou um milhão de cartazes. Temos uma madrinha este ano, uma defensora da amamentação há muitos anos, que é a atriz Cássia Kiss. Ela está muito bonita no cartaz, porque já é uma mulher de 49 anos e está com uma criança de dois anos e três meses e ainda está amamentando”, disse.

A Semana Mundial de Aleitamento Materno foi idealizada pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno (Waba, na sigla em inglês) e tem sido comemorada desde 1992, em cerca de 120 países. A Waba também define anualmente o tema central da ação, que passa a ser discutido nos diversos países, unificando as comemorações em todo o mundo.





Fonte: RMT Online

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/286309/visualizar/