Publicidade
Repórter News - www.reporternews.com.br
Educação/Vestibular
Sexta - 09 de Junho de 2006 às 20:30

    Imprimir


A Secretaria Municipal de Saúde de Sorriso, através da secretária municipal Marisa de Fátima Neto, concluiu um levantamento geral de atendimento a rede escolar municipal traçando assim um paralelo sobre o este mesmo atendimento desde 2004.

E os números despertam a realmente a atenção. Em 2004, o município atendia na rede municipal, 8.866 alunos passando para 10.972 em 2005, e hoje em 2006, chegando aos impressionantes 12.110 alunos, mostrando um crescimento em mais de 50%, junto a Educação Infantil, Ensino Médio e Fundamental.

Com isto a administração teve a obrigatoriedade de ampliar a parte física das escolas do município em mais de 38 salas de aulas, além de cozinhas, banheiros e infra-estrutura para Educação Especial, Cremeis – (Educação Infantil) além de laboratórios de informática, uma necessidade de atualização tanto de alunos como de professores.

Mas um outro fator que chama a atenção da professora Marisa Fátima Neto, titular da pasta da Educação Cultura, Desporto e Lazer, é o crescimento que apresenta o EJA, Ensino de Jovens e Adultos. Esta prática de ensino atinge todos aqueles que possuem idade superior a 18 anos, que deixaram os estudos prematuramente por um ou outro motivo e agora vêm à chance de retomar o caminho de conclusão de seu aprendizado.

E mais uma vez a matemática é exata. O numero de atendimento nas salas de aulas para jovens e adultos chega a 360%, podendo aumentar, a partir do momento em que forem abertas novas turmas em convênio com a Sedur, Secretaria Estadual de Educação.

Em 2004 a Secretaria Municipal de Educação tinha 260 alunos nesta faixa de aprendizado. Passou para 279 alunos em 2005 e hoje, chega a 588 alunos, na rede municipal, mas atende ainda 320 outros alunos inclusos no EJA, em convênio com o SESI.

“No total são nada menos do que 908 alunos do EJA, que buscam aprender nas salas de aula, alguns até para acompanharem seus filhos no Livro Didático Integrado, sistema de ensino da rede pública municipal, o que realmente é muito bom, aliás, isto é ótimo, para todos. Estou muito satisfeita”, finalizou a secretária.

Os alunos do – EJA, Ensino de Jovens e Adultos aproveitam os espaços das escolas municipais durante o período noturno, o que pela disponibilidade de espaço físico, neste período, apresenta condições ampliar este atendimento a esta faixa etária superior aos 18 anos.





Fonte: Da Assessoria

Comentários

Deixe seu Comentário

URL Fonte: https://www.reporternews.com.br/noticia/295771/visualizar/