Publicado em Sexta - 25 de Maio de 2012

Greve na UFMT tem uma das maiores adesões

Com adesão de 46 instituições, a greve da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) já se tornou mais forte que a última paralisação de alta significância na história da universidade, que durou 100 dias no ano de 2005.
Leia mais...

Enem 2012 terá custo maior ao governo, afirma Mercadante

Publicado em Sexta - 25 de Maio de 2012

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante afirmou, nesta sexta-feira (25), que as mudanças feitas pelo MEC na edição de 2012 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), para garantir melhores mecanismos contra fraude e um sistema mais justo de correção, vai acarretar em um custo maior para o governo, principalmente por causa da contratação de mais funcionários para trabalhar na aplicação e correção das provas.
Leia mais...

Ministério anuncia mudanças na correção do Enem

Publicado em Quinta - 24 de Maio de 2012

Uma equipe de 400 mil pessoas aplicará em 140 mil salas de aula de todo o Brasil o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou nesta quinta-feira mudanças na avaliação, em especial na redação. Agora, se houver uma diferença maior que 200 pontos na correção dos dois avaliadores, um terceiro será chamado. Se a discrepância continuar, o texto será encaminhado a uma comissão avaliadora.
Leia mais...

Exame da OAB em MT será realizado neste domingo

Publicado em Quinta - 24 de Maio de 2012

Neste domingo (27 ) será realizada a primeira fase do VII Exame de Ordem Unificado, das 14h às 19h, horário oficial de Brasília. Em Mato Grosso, 3032 candidatos se inscreveram, sendo 187 em Barra do Garças; 97 em Cáceres; 1800 em Cuiabá; 45 em Diamantino; 398 em Rondonópolis; 365 em Sinop e 140 em Tangará da Serra.
Leia mais...

Vestibular da Unemat começa domingo em 20 cidades

Publicado em Quinta - 24 de Maio de 2012

As provas do vestibular da Unemat serão aplicadas em 20 cidades pólos neste domingo e na segunda-feira, entre 8h e 12h. Nos dois dias, o candidato deve comparecer ao local designado com antecedência mínima de uma hora do início, com documento oficial de identificação com foto e caneta esferográfica de tinta azul ou preta, fabricada inteiramente em material transparente.
Leia mais...

UFMT fará balanço sobre primeira semana de greve

Publicado em Quarta - 23 de Maio de 2012 | por Welington Sabino

Em greve desde a última quinta-feira (17) para pressionar o cumprimento de acordo firmado no ano passado que previa o aumento salarial de 4%, além da incorporação da Gratificação Específica do Magistério Superior (Gemas) e reestruturação da carreira, a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) vai divulgar, nesta quarta-feira (23), o primeiro balanço da paralisação que atinge cerca de 20 mil alunos.
Leia mais...

Após uma semana de greve, docentes da UFMT aguardam diálogo

Publicado em Quarta - 23 de Maio de 2012 | por Joanice de Deus

Com as atividades paralisadas há uma semana, os 1.600 docentes da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), até o momento, não receberam nenhuma proposta por parte do governo federal que possa colocar fim ao movimento grevista.
Leia mais...

Inscrições para PROEJA podem ser feitas até 27 de maio; para cursos Técnicos Subseqüentes, até 3 de junho

Publicado em Terça - 22 de Maio de 2012

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) está com inscrições abertas para cursos de Ensino Médio Integrado modalidade PROEJA (Educação de Jovens e Adultos) e cursos Técnicos Subsequentes.
Leia mais...

Greve das universidades federais já atinge 41 instituições em todo País

Publicado em Terça - 22 de Maio de 2012

Os docentes das universidades federais Fluminense (UFF) e de Alfenas (Unifal) aderiram hoje à greve nacional dos professores. Com isso, já são 41 entidades integradas ao movimento, e 45 seções sindicais. A previsão do comando grevista é que até o fim de semana o número de instituições chegue a 50, já que muitas têm assembleias marcadas para os próximos dias.
Leia mais...

Professor tem pior salário entre os profissionais com nível superior

Publicado em Segunda - 21 de Maio de 2012 | por Antônio Gois/Demétrio Weber

O salário dos professores da educação básica no Brasil registrou, na década passada, ganhos acima da média dos demais profissionais com nível superior, fazendo encurtar a distância entre esses dois grupos. Esse avanço, no entanto, foi insuficiente para mudar um quadro de trágicas consequências para a qualidade do ensino: o magistério segue sendo a carreira de pior remuneração no país.
Leia mais...